Saiba como promover a acessibilidade em sua empresa

Não há como negar que a acessibilidade é algo que vai além das necessidades, pois esbarra na ética e no direito de ir e vir. E isso está no Artigo 5º da Constituição Federal, que cita:

Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade […] e livre locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens”.

Para entender como promovê-lo dentro de qualquer nicho, seja no da moda ou de projetos elétricos industriais, continue com a gente!

Deixe o caminho livre

A remoção de obstruções físicas elimina os perigos. Além disso, permite que clientes com bengalas, cadeiras de rodas ou cães-guia possam se mover livremente. Isso gera uma experiência agradável.

A acessibilidade se aplica mesmo se você não tiver um local físico. Seu site e todos os materiais on-line também devem estar acessíveis. Existem plugins que leem os textos de seu blog e são facilmente instalados.

Forneça materiais acessíveis

Você é dono de uma marca de central de alarme de incêndio e está planejando criar um novo site, menu ou documento? Entenda: cada material impresso deve ter um formato alternativo.

Ofereça formatos alternativos como braille, letras grandes e documentos PDF acessíveis. Isso ajuda as pessoas com deficiências visuais e cognitivas a se envolverem com seus negócios. 

No entanto, nem todas as deficiências são iguais. Desta forma, tente variar nos formatos de acordo com cada cliente ou colaborador.

Tenha um colaborador com experiência

Um parceiro que tenha experiência no quesito acessibilidade pode fornecer feedback sobre a experiência do cliente e ideias de marketing para maximizar o investimento em materiais compatíveis. 

Treine seus funcionários

Eduque seus funcionários e treine sua equipe para promover a acessibilidade. Por exemplo, ofereça treinamentos sobre como ajudar com tecnologia assistiva e dispositivos de mobilidade. 

Sua equipe faz a diferença quando é informada. Da mesma forma, identificar barreiras ajuda os clientes a se sentirem bem-vindos.

Imagine que entregue um laudo spda e a pessoa em questão é deficiente visual. O que fazer? Deixar do jeito que está não é uma opção. Crie consciência coletiva e deixe tudo preparado.

Inicie um movimento em sua empresa

As organizações que adotam a acessibilidade como parte de suas iniciativas internas fazem a diferença. Se não está tratando esses problemas no momento, faça com que a marca se torne mais acessível para pessoas com deficiência. 

Quando o tema está em pauta, os clientes entendem e ‘aplaudem’. Em seguida, anuncie seu compromisso com a acessibilidade, tornando-a uma parte reconhecível do seu negócio.

O Brasil ainda é um país que ‘fecha os olhos’ para o tema, tanto que apenas 1% ocupa as vagas de trabalho. Esperamos que isso mude o quanto antes! Que tal fazer a diferença?

Gostou do conteúdo? Conte para gente nos comentários e não deixe de acompanhar as novidades no blog e compartilhar nas redes sociais. 

+ posts