Resiliência

Resiliência

O que significa resiliência? Definição, qualidades e exemplos

Curioso para saber o que resiliência significa? Aqui, definimos resiliência e exploramos as muitas coisas diferentes que contribuem para a resiliência.

O que é resiliência?

Resiliência é definida como as qualidades pessoais que permitem uma pessoa prosperar em face da adversidade.

Na vida, todos nós enfrentamos experiências estressantes – a morte de um ente querido, dificuldades financeiras, rejeição social e muitas outras.

Mas temos uma surpreendente variabilidade em como lidamos com essas experiências.

Alguns de nós lidam bem e podem até crescer e melhorar como resultado do estresse.

Outros lutam e podem até desenvolver problemas de saúde mental em face do estresse.

Pensa-se que resiliência é o que separa esses dois caminhos.

Quão resiliente você é?

Resiliência é um conceito multifacetado, mas aqui estão algumas perguntas que você pode fazer a si mesmo para ter uma noção melhor de como você é resiliente.

Se você responder sim a estas 3 perguntas, isso sugere que você é mais resiliente:

  • Você fica calmo mesmo em situações tensas?
  • Você sabe como lidar?
  • Você pode lidar com críticas?

Se você responder sim a essas perguntas, isso sugere menor resiliência:

  • Você se ofende facilmente?
  • Você entra em pânico facilmente?
  • Você se machuca facilmente?
  • Você se sente esmagado por contratempos?
  • Você fica sobrecarregado com os eventos?

Por que ser resiliente é importante?

O estresse é muito ruim para o nosso bem-estar físico e emocional.

Quanto mais eficazmente pudermos lidar, mais rapidamente podemos nos recuperar e retornar ao funcionamento normal.

O estresse contínuo pode ter efeitos devastadores em nossos corpos.

“Nossa resiliência pessoal pode nos proteger desses efeitos, fechando o ciclo de estresse e o eixo HPA, permitindo-nos lutar melhor contra doenças e outros resultados negativos” (Gaffey, Bergeman, Clark, & Wirth, 2016).

Resiliência é igual para todos?

Uma vez que todos nós lutamos com diferentes tipos de estressores, resiliência significa coisas diferentes para cada um de nós.

Por exemplo, para alguém extrovertido, resiliência pode significar gastar mais tempo com amigos para lidar com o estresse.

Para um introvertido, resiliência pode significar passar mais tempo sozinho.

Embora cada um de nós possa enfrentar as lutas usando estratégias diferentes, existem qualidades geralmente aceitas que tendem a criar resiliência.

Provavelmente já temos algumas dessas qualidades (como resultado de nossos genes e / ou ambiente).

Mas também podemos desenvolver essas qualidades com esforço e prática.

Abaixo, falaremos sobre o que significa resiliência e como desenvolver as qualidades que o tornam mais resiliente.

Vídeo: O que significa resiliência?

1. Ser resiliente significa aceitação

Muita dor é criada por nossa tendência de lutar contra as coisas que não podemos mudar.

“Não, eu não queria que isso acontecesse!”

Mas quanto mais tempo passamos nos preocupando com as situações incontroláveis ​​em nossas vidas, mais tempo passamos estressados ​​ou com raiva em vez de nos concentrar em como podemos tornar o futuro melhor .

Talvez por isso a aceitação esteja ligada ao bem-estar.

Para cultivar a aceitação, muitas pessoas recomendam praticar a atenção plena.

A plena atenção pode ajudá-lo a aquietar sua mente e praticar estar presente (e aceitar) o momento e suas experiências atuais. Concentre-se em deixar seus pensamentos e emoções simplesmente existirem, sem julgamento.

Fazer isso pode ajudar a cultivar a atenção plena e a resiliência.

2. Resiliência significa autoconhecimento

O autoconhecimento é essencial para a resiliência.

Se não nos conhecemos bem o suficiente para lidar com os estressores de maneira eficaz para nós, então é improvável que sejamos resilientes.

Por exemplo, talvez possamos lidar com a situação bebendo álcool ou usando drogas quando estamos chateados.

Mas no dia seguinte, acabamos nos sentindo pior.

Ao desenvolver o autoconhecimento, podemos realizar ações que nos ajudam a nos recuperarmos das dificuldades com mais facilidade. 

Para começar, passe algum tempo refletindo sobre si mesmo. Pergunte a si mesmo:

  • Que estratégias você costuma usar para lidar com o estresse?
  • Qual é a eficácia de cada uma dessas estratégias?
  • Como você pode facilitar o uso de estratégias que o ajudam?
  • O que mais você pode tentar no futuro para lidar com a situação de forma mais eficaz?

Ao trabalhar para aumentar a autoconsciência, você pode aumentar a resiliência.

Vídeo: Resiliência significa conectar-se consigo mesmohttps://www.youtube.com/watch?v=qVv5DPZCcS0

3. Resiliência significa autocuidado

Uma parte da resiliência é apenas cuidar de si mesmo.

Quando estamos doentes, cansados ​​e desnutridos, temos mais dificuldade em responder a qualquer tipo de estresse, grande ou pequeno.

Nossos corpos simplesmente não têm recursos. Por exemplo, pesquisas descobriram que a ingestão de açúcar está relacionada à depressão (Knüppel et al., 2017).

Na verdade, se nos concentrarmos em uma vida e uma alimentação mais saudáveis, provavelmente aumentaremos nossa resiliência.

Podemos fazer isso comendo alimentos mais nutritivos, praticando exercícios moderados e dormindo quando estamos cansados.

4. Resiliência significa equilíbrio entre vida pessoal e profissional

Burnout é um fenômeno muito real que inclui exaustão emocional e cinismo.

Pesquisas mostram que existem várias causas de burnout, incluindo muito trabalho, controle insuficiente, remuneração insuficiente, questões sociais e uma incompatibilidade de valores.

Qualquer um desses fatores pode contribuir para o esgotamento no local de trabalho. E o esgotamento é o tipo de não resiliência final.

Você simplesmente não tem mais nada para dar e sua mente e corpo começam a se desligar.

É por isso que é tão importante prevenir o esgotamento antes de chegar a este ponto.

Se possível, tente trocar de emprego ou funções que não sejam adequados para você.

Faça pausas sempre que possível. E certifique-se de implementar técnicas de relaxamento em seu estilo de vida.

5. Resiliência significa pensamento positivo

Outra maneira de mudar a forma como experimentamos o mundo é  direcionar nossa atenção para as coisas positivas.

Quando experimentamos estresse, podemos nos concentrar em como isso é terrível, como gostaríamos de não estar aqui e em como nos sentimos por nós mesmos.

Ou podemos mudar intencionalmente nosso foco para o positivo. Reconhecidamente, é mais fácil falar do que fazer.

Uma estratégia de pensamento positivo bem estudada é a  reavaliação positiva .

Quando usamos a reavaliação positiva, tentamos pensar sobre as partes da situação que são boas (ou não tão ruins quanto poderiam ser).

A reavaliação positiva demonstrou contribuir para a resiliência no contexto de estresse ( Troy, Wilhelm, Shallcross, & Mauss, 2010).

Ao encontrar maneiras de tornar nossas experiências estressantes menos estressantes, nos sentimos melhor e aumentar nossa resiliência.

6. Resiliência significa amor próprio

Amor próprio (ou valor próprio, autoconfiança, autoestima, etc …) pode ser uma parte crucial do que significa ser resiliente.

Auto visões positivas estão intimamente ligadas a resultados positivos como felicidade e bem-estar.

Isso pode ser porque se nos sentimos mal sobre nós mesmos, isso influencia todos os outros aspectos de nossas vidas.

Nós nos preparamos para situações decepcionantes e então nos culpamos por elas.

Cultivando o amor próprio, por exemplo, praticando a autocompaixão, podemos responder ao estresse de maneiras mais saudáveis.

7. Resiliência significa conexão social

Não importa o que estejamos fazendo, nos sentimos melhor quando o fazemos com outras pessoas.

Isso torna as conexões sociais um componente crucial da resiliência.

Na verdade, uma das maneiras mais confiáveis ​​de aumentar o bem-estar é desenvolver relacionamentos sociais de alta qualidade e se sentir socialmente conectado às pessoas em sua vida.

Se estivermos preocupados ou estressados, este é um momento especialmente bom para estender a mão para outras pessoas.

Ter um ombro para chorar, um ouvido para ouvir ou um cérebro para trocar ideias pode oferecer um valor tremendo e realmente nos ajudar a prosperar, mesmo em circunstâncias muito difíceis.

É por isso que é fundamental manter amizades de alta qualidade para que vocês possam estar presentes quando as coisas não estiverem indo tão bem.

8. Resiliência significa dar um passo para trás

Às vezes, quando estamos passando por algo difícil, ficamos tão imersos nisso que não conseguimos ver direito.

Nossas emoções se oprimem e nossas perspectivas se estreitam.

É por isso que resiliência geralmente significa ser capaz de dar um passo para trás para olhar nossa situação de fora de nós mesmos.

Mais especificamente, se olharmos para a nossa situação como se fôssemos “uma mosca na parede” ou “um transeunte na rua”, podemos obter alguma objetividade necessária que pode ajudar a diminuir nossas emoções negativas.

Essa estratégia é conhecida como distanciamento emocional e pode nos ajudar a nos sentirmos melhor em momentos difíceis.

Uma estratégia semelhante que pode ajudar a resiliência é dar um passo para longe de sua situação a tempo.

Por exemplo, quando dizemos “isso também passará”, estamos reconhecendo que, embora possamos nos sentir mal agora, não é provável que nos sintamos tão mal em algum momento no futuro próximo ou distante.

Quando nos lembramos disso, de alguma forma torna-se mais fácil lidar com as atuais circunstâncias difíceis.

9. Resiliência significa definição de metas eficazes

Nossa realidade é mais do que apenas as coisas que acontecem; é a nossa interpretação dessas experiências.

É por isso que estruturar nossas vidas de forma a nos ajudar a interpretar as situações positivamente pode ser útil para a resiliência.

Mais especificamente, se definirmos metas pequenas e alcançáveis ​​e as dividirmos em etapas ainda menores, cada um de nossos sucessos pode ser visto como uma vitória.

Por outro lado, se definirmos metas grandes, difíceis ou inatingíveis, é provável que nos sintamos desapontados.

Mesmo que estejamos realmente dando pequenos passos em direção ao nosso objetivo, podemos não percebê-los se não tivermos tempo para reconhecer que sim, fazer essa pequena coisa realmente nos aproxima de nosso objetivo.

Portanto, ao buscar otimizar a resiliência, é fundamental definir muitas pequenas metas e comemorar os sucessos.

Depois de atingir essas metas, estabeleça novas. Dessa forma, você está sempre avançando, em vez de se sentir preso.

10. Resiliência significa acreditar em si mesmo

Todos nós falhamos. Pessoas resilientes apenas se levantam e seguem em frente.

Frequentemente, têm uma mentalidade construtiva – ou a crença de que podem melhorar e crescer.

E podem até mesmo refletir sobre como desejam que seu futuro seja, por exemplo, criando um quadro de visão – uma representação visual de objetivos, valores e sonhos.

Ao permanecermos otimistas sobre nossas próprias habilidades para atingir nossos objetivos, somos menos desencorajados por eventos ou pessoas que tentam ficar em nosso caminho.

Acreditamos que podemos enfrentar qualquer desafio e podemos até obter um impulso de confiança ao superar com sucesso um desafio e provar que devemos acreditar em nós mesmos.

Nossas crenças podem nos ajudar a manifestar nossos sonhos. Não é mágica; é porque nos esforçamos muito e não atrapalhamos o nosso caminho.

11. Resiliência significa ser adaptável

Quanto menos rígidos formos, mais fácil será ser emocionalmente resiliente.

Se pudermos seguir o fluxo e ser flexíveis, as voltas e reviravoltas não serão tão traumáticas.

Para ser mais adaptáveis, só precisamos relaxar um pouco e abrir mão de algum controle.

No final das contas, coisas acontecerão em nossa vida sobre as quais não temos controle.

Aceitar, lidar com isso, retroceder e seguir em frente é a chave para a recuperação de praticamente qualquer desafio.

12. Resiliência significa fazer sentido com as dificuldades

É da natureza humana tentar dar sentido aos nossos desafios.

Frequentemente, criamos explicações em nossa mente para justificar por que as coisas nos aconteceram e por que aconteceram da maneira que aconteceram.

Isso pode nos ajudar a lidar com perdas e outros eventos estressantes.

É por isso que a criação de significado pode ser uma parte fundamental da resiliência.

Se, em vez disso, pensarmos que coisas ruins acontecem sem motivo aparente, podemos acabar nos sentindo perdidos ou fora de controle.

13. Resiliência significa não desistir

A vida pode ser difícil. Vamos passar por tempos difíceis. Pessoas resilientes não são derrotadas por tempos difíceis.

Elas caem do cavalo e voltam a montar. Elas não conseguem o emprego que queriam e continuam se candidatando.

O parceiro (a) termina com elas e continuam a namorar para tentar encontrar alguém novo.

Essas coisas não são fáceis. Pode ser mais fácil esconder ou desistir.

Para desenvolver essa característica, esforce-se para sair da sua zona de conforto.

Aquela apresentação que você fez no trabalho foi ruim? Tente novamente.

Você vomitou da última vez que foi à academia? Dê outra chance.

Construir resiliência exige coragem e perseverança, mas vale a pena e, a longo prazo, pode melhorar muito sua vida.

13. Ser resiliente significa reconhecer seus pontos fortes

Você se considera uma pessoa forte? Todos nós somos de algumas maneiras.

Se você conhece seus pontos fortes e fracos, pode ter uma ideia melhor de como é forte.

Experimente essas atividades para identificar seus pontos fortes e qualidades positivas para ajudar a aumentar essa parte da resiliência.

14. Resiliência significa regulamento de emoção

Uma das partes mais difíceis de uma situação estressante são as emoções que surgem.

Podemos ficar sobrecarregados, confusos e até mesmo fazer coisas das quais nos arrependemos se não conseguirmos regular ou administrar nossas emoções de maneira eficaz.

É por isso que desenvolver nossas habilidades de regulação emocional é a chave para cultivar a resiliência.

Em vez de suprimir nossas emoções, nós as enfrentamos de frente, reinterpretamos situações para mudar nossos sentimentos e depois as deixamos ir.

Vídeo: Meditação Guiada sobre Resiliência Emocional

15. Ser resiliente significa desafios para gostar

Temos a tendência de pensar nos desafios como algo ruim, mas na verdade existem pessoas que gostam de desafios.

Quando as coisas estão um pouco difíceis, pode ser estimulante ou excitante.

Por exemplo, se você gosta de se esforçar no trabalho, nos esportes ou para realizar algo especial, provavelmente é mais resistente.

Você pode gostar de desafios porque já é resiliente (portanto, falhar ou lutar não é tão ruim) ou pode ter aprendido através dos desafios que, na verdade, tira muito proveito deles.

Seja qual for o motivo, resiliência tem tudo a ver com enfrentar desafios e prosperar diante deles.

16. Resiliência significa assumir o controle de sua vida

O que todas essas partes da resiliência têm em comum? Todos elas envolvem assumir o controle de sua vida – seus pensamentos, emoções e comportamentos.

O mundo acontece conosco, mas temos controle sobre nós mesmos e como reagimos.

E a resiliência tem tudo a ver com essas respostas. Resiliência significa responder de maneiras que nos fazem sentir bem, maneiras que nos ajudam a ter sucesso, maneiras que são, em última análise, boas para nossa saúde e bem-estar.

E todos nós temos esse controle. Portanto, mesmo que sintamos que nossa vida não tem autonomia ou estamos presos em uma situação ruim, temos controle sobre como reagimos às nossas circunstâncias e, portanto, temos o poder de ser resilientes.

Exemplos

Esperançosamente, você tem uma noção melhor do que significa resiliência.

Aqui estão alguns exemplos de como alguém pode ser resiliente diante do estresse.

Shanea perde o emprego. Ela está inicialmente chateada e leva um dia para vivenciar suas emoções e lamentar a perda de seu emprego.

No dia seguinte, ela começa a procurar amigos para ver se eles sabem de algum emprego.

Eduardo acaba de saber que a namorada o traiu e ele decide terminar o relacionamento.

Ele está compreensivelmente triste, mas pratica o amor próprio dizendo a si mesmo que merece algo melhor e dá sentido à situação dizendo a si mesmo que precisava experimentar isso para conhecer melhor o amor verdadeiro no futuro.

Os amigos de Miley estão provocando ela na escola. Ela se sente nervosa, mas decide provar a si mesma que é forte, enfrentando-os.

Eles falam sobre as dificuldades e estão melhores do que nunca.

Como você pode ver nesses exemplos de resiliência, ela não significa suprimir ou evitar emoções ou experiências negativas.

Trata-se de lidar com eles usando todas as habilidades mentais, emocionais e comportamentais disponíveis.

Qual é o significado da resiliência para você?

Então, como você define resiliência? Já falei sobre como a pesquisa define resiliência, mas o que isso significa para você?

Ao esclarecer suas próprias definições de resiliência, você pode ter uma ideia melhor de como lidará com o estresse e escolher as estratégias que melhor se adaptam a você.

Vídeo: Trauma ensina resiliência

Em suma

A resiliência é uma ferramenta poderosa para o bem-estar. Mas também é um conceito complexo e multifacetado.

Esperançosamente, esta explicação sobre o que significa resiliência ajudou a esclarecê-la para você e lhe ensinou algumas estratégias que você pode aplicar em sua vida.

Outros Links:

O que é bullying?

O que é cyberbullying?

O Que significa empatia?