3 Dicas para criação de uma Landing Page

Você precisa estar de olhos em sua landing page de tempos em tempos, pois apesar de ser a etapa final de sua campanha, converter possíveis interessados em leads, às vezes, pode ser um desafio tão grande quanto finalizar um projeto de Incêndio.

Na verdade, existem muitas armadilhas que deve evitar ao criar a estratégia. Mas não tenha medo, estamos aqui para oferecer conselhos essenciais! Ficou curioso? Então, vem com a gente!

1 – Simplicidade

Uma landing page eficaz não precisa ter programações complexas. Inclua elementos chave e execute-os bem. Cada cantinho destacado é uma válvula de Segurança que dará força para uma campanha de conversão bem-sucedida. E o que ela precisa conter?

  • Título: Verifique se o título corresponde ao seu anúncio e se é conciso. A mensagem de ambos não deve ser muito diferente! Essa disparidade pode confundir os visitantes do seu site;
  • Breve descrição: Seja direto! Talvez você precise repensar sua oferta se não puder descrever seus benefícios de forma sucinta. Para produtos conhecidos como ‘premium’, esses padrões também se aplicam;
  • Imagem: Insira imagens de alta qualidade que adicionem e não distraiam o leitor. Tudo porque, 40% de indivíduos que chegarão até a landing page, respondem melhor às imagens; escolha um design que seja atraente aos olhos;
  • Credenciais: se for uma nova marca de motores elétricos industriais para o consumidor, apresente algumas credenciais. Conquistou certificados ou ganhou prêmios? Mostre-os! Coloque a quantidade de inscritos nas redes sociais (se forem muitos) e, acima de tudo, torne seu site compartilhável;
  • Call to action (CTA): A linha de chegada da sua landing page é o CTA. Torná-lo visível e atraente é bom, mas cuidado com a escolha das cores e das fontes. No fim das contas, o foco deve permanecer no texto e nos gatilhos mentais.

2 – Adapte sua página à sua oferta

Pesquisas sugerem que quanto mais landing pages você tiver, maior a probabilidade de conversão. Adapte-a e dimensione-a para que haja uma narrativa clara para seu cliente seguir. Eles não conseguirão ver a correlação entre seu anúncio e sua oferta se usar layouts padronizados para cada campanha.

Melhor ainda, remova a navegação para outras áreas do site e se concentre em converter por lá. Pense em sua landing page como seu balcão de pagamento numa loja física. Ou seja, foco e sinalização naquilo que realmente importa é algo sem igual.

3 – Entregue valor

Como em qualquer campanha de marketing, deve haver um alvo claro para cada página. Considere a oferta que você tem e se pergunte: seu cliente em potencial realmente ganhará com sua oferta? 

Por exemplo: se eu fosse um gestor de uma marca de câmaras de refrigeração, criasse uma landing page e não desse absolutamente nada em troca dos dados dos clientes, o valor seria zero.

Mas e se escrevesse um e-book ou gravasse uma vídeo aula sobre como configurá-lo corretamente? Algo estaria agregado no montante, não é mesmo? O que achou do texto de hoje? Curtiu as dicas para criação de landing pages? Se gostou, não se esqueça de enviar para os seus amigos e compartilhar em suas redes sociais, até a próxima!

+ posts